Visibilidade do transporte intra-hospitalar em unidade de terapia intensiva: estudo descritivo

Renata da Silva, Lúcia Nazareth Amante, Nádia Chiodelli Salun, Tatiana Martins, Fabiana Minatti

Resumo


Objetivo: Verificar a percepção dos profissionais de enfermagem sobre segurança do paciente durante o transporte intra-hospitalar do paciente internado em unidade de terapia intensiva.

Método: Estudo descritivo, qualitativo com participação de 21 profissionais de enfermagem que atuavam em unidade de terapia intensiva de um hospital público na região sul do Brasil. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas semiestruturadas em novembro de 2012 e analisados através da análise de conteúdo de Minayo.

Resultados: Foram evidenciadas três categorias: responsabilidade do profissional de saúde no transporte intra-hospitalar; situação de risco para o paciente no transporte intra-hospitalar; qualidade em estrutura para o transporte intra-hospitalar revelando preocupação dos profissionais em realizar um transporte seguro.

Conclusão: Os profissionais de enfermagem têm conhecimento sobre segurança do paciente durante o transporte intra-hospitalar, porém há necessidade de protocolos institucionais e de capacitações para o manejo desta prática com a finalidade de reduzir ocorrências de eventos adversos.

Palavras-chave: Transporte de pacientes. Unidades de terapia intensiva. Enfermagem. 


Palavras-chave


Transporte de pacientes. Unidades de terapia intensiva. Enfermagem.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447