Instrumentos para articulação da rede de atenção às mulheres em situação de violência: construção coletiva

Laura Ferreira Cortes, Stela Maris de Mello Padoin, Daniela Dal Forno Kinalski

Resumo


Objetivo: Identificar as informações necessárias para a construção de instrumentos destinados a viabilizar a articulação de profissionais de serviços de atendimento com mulheres em situação de violência com vistas à constituição de uma rede de atenção.
Método: Estudo qualitativo, convergente assistencial, cujas informações foram produzidas de fevereiro a agosto de 2015 por meio de 10 encontros grupais, com 32 participantes do Grupo de Trabalho Integrado de Enfrentamento às Violências de Santa Maria-RS, situado na Universidade Federal de Santa Maria. Utilizou-se a análise de conteúdo temática.
Resultados: Definiu-se o direcionamento do fluxo; os pontos para compor a rede; o que seria preciso comunicar entre os serviços: dados de identificação da mulher e da família, relato acerca da situação e a continuidade do cuidado.
Conclusões: Há necessidade de formalização institucional dos dispositivos construídos. A articulação entre os serviços requer comunicação, envolvimento e compromisso dos profissionais para garantir a continuidade do cuidado.
Palavras-chave: Saúde da mulher. Violência contra a mulher. Assistência à saúde. Ação intersetorial. Comunicação interdisciplinar. Prática profissional.


Palavras-chave


Saúde da mulher. Violência contra a mulher. Assistência à saúde. Ação intersetorial. Comunicação interdisciplinar. Prática profissional.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447