Fatores associados a cesáreas em um hospital universitário de alta complexidade do sul do Brasil

Juliana Manera Saraiva, Helga Geremias Gouveia, Annelise de Carvalho Gonçalves

Resumo


Objetivo: Identificar os fatores associados a cesáreas em um hospital universitário de alta complexidade do sul do Brasil.
Métodos: Estudo transversal, desenvolvido na Unidade de Internação Obstétrica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Os dados foram obtidos por meio de questionário com 361 puérperas e prontuários materno e neonatal, de fevereiro a abril de 2013. Para análise, utilizou-se Razão de Prevalência mediante a Regressão de Poisson Univariável.
Resultados: A prevalência de cesárea foi de 31%. A categoria de internação, dilatação, características do colo, apresentação fetal e dinâmica uterina, no momento da admissão, estiveram estatisticamente associadas à realização de cesárea; não ter cesárea prévia e turno da meia-noite às 6h foram fatores de proteção.
Conclusões: A prevalência de cesárea está acima do recomendado pela Organização Mundial da Saúde, mas é semelhante a taxas de outros hospitais universitários, o que indica a necessidade de proposição de ações para melhoria desse indicador.
Palavras-chave: Cesárea. Saúde da mulher. Obstetrícia.


Palavras-chave


Cesárea. Saúde da mulher. Obstetrícia.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447