O uso das plantas medicinais e o papel da fé no cuidado familiar

Crislaine Alves Barcellos de Lima, Angela Roberta Lima, Cledenir Vergara Mendonça, Caroline Vasconcellos Lopes, Rita Maria Heck

Resumo


Objetivo: Compreender o uso das plantas medicinais e o papel da fé no sistema de cuidado familiar.
Método: Pesquisa qualitativa, realizada em abril e julho de 2015, em um município do Rio Grande do Sul/Brasil, com três informantes conhecedores de práticas de cuidado. A interpretação dos dados seguiu referencial antropológico interpretativo.
Resultados: Emergiram duas categorias: Plantas medicinais no cuidado à saúde e Cuidado com o uso das plantas no ritual de benzer. Identificou-se que o uso das plantas e a cura pela fé constituem uma forma de autoatenção peculiar, própria do território, que resgata o ser humano da perspectiva biológica e íntegra corpo, alma, espírito e ambiente.
Conclusão: A investigação permitiu compreender que as plantas medicinais, além da relação biológica estabelecida, atuam no sistema de cuidado familiar, sendo que a sua utilização não opera conforme os princípios de compra e venda, mas da troca, do dar, receber e retribuir.
Palavras-chave: Plantas medicinais. Cura pela fé. Cuidadores. Cuidados de enfermagem.


Palavras-chave


: Plantas Medicinais; Cura pela Fé; Cuidadores; Cuidados de Enfermagem

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447