Maus tratos institucionais no ambiente de trabalho em saúde: propostas que podem modificar esta realidade

Regina Gema Santini Costenaro, Maria Ribeiro Lacerda, Carla Lizandra De Lima Fereira

Resumo


Os maus tratos entendidos como não provimento dos direitos fundamentais, podem afetar a qualidade de vida das
pessoas e minar ambientes profissionais, atingindo os trabalhadores. Neste ensaio reflexivo, discutem-se os maus
tratos institucionais e suas repercussões no ambiente de trabalho em saúde, sugerem-se maneiras de amenizá-los
por meio de uma mobilização dos membros da equipe interdisciplinar de saúde, para aprimorarem e reconhecerem
seus potenciais no processo de transformação e melhoria da realidade vivenciada de maneira não saudável. É
imprescindível que a equipe de saúde fortifique suas relações e seus saberes, reduza o desconforto, flexibilize as
rotinas e avalie as especificidades. Assim, devem ser construídas propostas em parceria para melhorar as relações
inter e intrapessoais nas instituições de saúde, a convivência e, conseqüentemente, a solidariedade.

Palavras-chave


Ambiente de trabalho; Equipe de assistência ao paciente; Violência.

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447