Estratégias para identificação e enfrentamento de situação de violência por parceiro íntimo em mulheres gestantes

Samara Silva Marques, Deise Lisboa Riquinho, Maxue Cruz dos Santos, Letícia Becker Vieira

Resumo


Objetivo: Conhecer as estratégias utilizadas por enfermeiros de Unidades de Estratégias de Saúde da Família para identificação e enfrentamento de situação de violência por parceiro íntimo em mulheres gestantes.
Método: Estudo descritivo com abordagem qualitativa com entrevista semiestruturada direcionadas a 23 enfermeiros da atenção básica no período de setembro de 2015 a abril de 2016, utilizou-se a análise de conteúdo do tipo temática.
Resultados: Emergiu a categoria: “É bem complexo” - ações de identificação e enfrentamento da violência por parceiro intimo em mulheres gestante. As lesões físicas foram o principal indicativo de violência identificada na consulta pré-natal. As estratégias de enfrentamento foram os encaminhamentos a serviços especializados e discussão conjunta com a equipe de saúde.
Conclusão: Aponta-se a necessidade de organização de um protocolo de enfermagem que auxilie na identificação e classificação de risco a exposição à violência, educação permanente destes profissionais e fortalecimento das ações intersetoriais.
Palavras-chave: Enfermagem. Violência contra a mulher. Gestantes. Atenção primária à saúde.


Palavras-chave


Enfermagem. Violência contra a mulher. Gestantes. Atenção primária à saúde.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447