Validação de intervenções e atividades de enfermagem para pacientes em terapia hemodialítica

Amália de Fátima Lucena, Cecília Zys Magro, Maria Conceição da Costa Proença, Ananda Ughini Bertoldo Pires, Vítor Monteiro Moraes, Graziella Badin Aliti

Resumo


Objetivo: Validar intervenções e atividades de enfermagem propostas pela Nursing Interventions Classification, para pacientes com insuficiência renal aguda ou doença renal crônica agudizada, em terapia hemodialítica com os diagnósticos de enfermagem Volume de líquidos excessivo e Risco de volume de líquidos desequilibrado.
Métodos: Validação de conteúdo com 19 enfermeiros peritos de um hospital universitário. A coleta de dados ocorreu de setembro/novembro de 2011 por meio de instrumentos que continham as intervenções e atividades de enfermagem em estudo. A análise considerou a média dos escores obtidos na validação.
Resultados: Controle Hídrico foi validado como intervenção prioritária (média ≥ 0.8), com oito atividades principais para o diagnóstico Volume de líquidos excessivo e oito para o diagnóstico Risco de volume de líquidos desequilibrado. Conclusão: A intervenção validada de Controle Hídrico possibilita o monitoramento do equilíbrio hídrico e facilita a prevenção de complicações, consideradas importantes atividades do cuidado ao paciente em terapia hemodialítica.
Palavras-chave: Diálise renal. Unidades hospitalares de hemodiálise. Cuidados críticos. Cuidados de enfermagem. Diagnóstico de enfermagem. Estudos de validação.


Palavras-chave


Diálise renal. Unidades hospitalares de hemodiálise. Cuidados críticos. Cuidados de enfermagem. Diagnóstico de enfermagem. Estudos de validação.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447