Docência no ensino superior em enfermagem e constituição identitária: ingresso, trajetória e permanência

Carla Natalina da Silva Fernandes, Maria Conceição Bernardo de Mello e Souza

Resumo


Objetivo: Identificar e analisar a relação entre os processos biográficos e relacionais na constituição da identidade profissional dos docentes dos cursos de enfermagem em instituições de ensino superior no estado de Goiás, Brasil.
Método: Trata-se de pesquisa qualitativa cujosdados foram coletados em 2014 e da qual participaram 11 professores de quatro cursos de enfermagem. Foi utilizada a entrevista semiestruturada. A análise dos dados foi norteada pela análise de conteúdo modalidade temática e, para as discussões, utilizou-se o referencial teórico-filosófico de Dubar.
Resultados: Foram identificadas três categorias temáticas: O ingresso na docência do ensino superior em enfermagem; O processo de constituição identitária do docente em enfermagem e Identidade, trajetória e permanência na profissão docente.
Considerações finais: A constituição da identidade profissional docente exigiu uma complexa negociação entre os aspectos biográficos e relacionais, evidenciando a busca por mecanismos de desenvolvimento profissional docente.
Palavras-chave: Docentes de enfermagem. Ensino superior. Papel profissional. Enfermagem.


Palavras-chave


Ensino Superior. Docentes de Enfermagem. Papel Profissional. Identidade.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447