Motivos e consequências da baixa adesão às precauções padrão pela equipe de enfermagem

Janete Silva Porto, Maria Helena Palucci Marziale

Resumo


As precauções padrão (PP) são recomendações para prevenir infecções e proteger os trabalhadores de saúde durante a prestação de cuidados. Porém, constata-se baixa adesão a estas recomendações.
Objetivo: Analisar os motivos e as consequências da baixa adesão às PP pela equipe de enfermagem.
Método: Revisão integrativa da literatura, busca em sete bases de dados, período de 2005 a 2014.
Resultados: 30 artigos foram selecionados para análise. Os motivos da baixa adesão evidenciados relacionam-se a práticas deficitárias de educação permanente, comportamentos de risco de trabalhadores, provisão de material e equipamentos de proteção inadequados e condições de trabalho inadequadas. As consequências são os acidentes e as doenças do trabalho. Os estudos de intervenção são escassos e limitam-se à educação dos profissionais.
Conclusões: A baixa adesão às PP está vinculada a aspectos individuais dos trabalhadores e às instituições empregadoras e formadoras. As estratégias de intervenção realizadas mostram-se pouco eficientes por focar apenas o trabalhador.
Palavras-chave: Precauções padrão. Precauções universais. Saúde ocupacional. Prevenção de acidentes. Equipe de enfermagem.


Palavras-chave


Precauções Padrão; Saúde Ocupacional; Equipe de Enfermagem

Texto completo:

PORTUGUÊS ENGLISH


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447