Discurso dos enfermeiros gestores relacionado aos condicionantes que (des)favorecem o controle da tuberculose em idosos

Amanda de Araújo Romera, Anne Jaquelyne Roque Barrêto, Patrícia Geórgia de Oliveira Diniz Pinheiro, Karinne Dantas de Oliveira Adário, Lenilde Duarte de Sá

Resumo


Objetivo: Analisar o discurso de enfermeiros gestores relacionado aos condicionantes que (des)favorecem o controle da tuberculose em idosos. Método: Estudo de natureza qualitativa realizado em município prioritário no controle da tuberculose, no Estado da Paraíba. A coleta de dados foi realizada entre fevereiro e maio de 2014, por meio de entrevistas semiestruturadas, com onze enfermeiros gestores. Para a análise do material empírico, foi utilizada a Análise de Discurso, linha francesa. Resultados: Na análise, identificou-se o bloco discursivo: Condicionantes que (des)favorecem o controle da tuberculose em idosos. Constatou-se que os processos de qualificação constituem um condicionante importante no controle efetivo do agravo em idosos. Entretanto, os discursos evidenciaram a manutenção de práticas educativas tradicionais nos processos de qualificação e que a tuberculose em pessoas idosas não é percebida como prioritária. Conclusão: Os enfermeiros gestores devem disparar processos de qualificação para a melhoria do controle da tuberculose em idosos baseados na educação permanente em saúde. Palavras-chave: Enfermagem. Tuberculose. Saúde do idoso. Gestão em saúde.


Palavras-chave


Enfermagem; Tuberculose; Saúde do Idoso; Gestão em Saúde.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447