Associação entre síndromes hipertensivas e hemorragia pós-parto

Mariana Torreglosa Ruiz, Camila Torres Azevedo, Maria Beatriz Guimarães Ferreira, Marli Villela Mamede

Resumo


Objetivo: Investigar a associação entre síndromes hipertensivas e hemorragia pós-parto (HPP) através da mensuração do nível de hemoglobina (Hb) e hematócrito (Ht) em mulheres atendidas em um hospital universitário do interior paulista.
Métodos: Estudo epidemiológico, seccional, realizado com 100 primíparas, no período entre agosto e dezembro de 2012. Realizaram-se dosagens de hemoglobina e hematócrito na admissão da parturiente e 48 horas pós-parto. Consideraram-se como HPP valores ≥ queda de 10% do valor do hematócrito da admissão. A HPP foi considerada variável dependente, e as variáveis independentes consideradas foram as socioeconômicas, patológicas, assistência pré-natal, admissão, parto e assistência. Utilizaram-se análises estatísticas uni e bivariadas, com nível de significância de 5%.
Resultados: As síndromes hipertensivas foram as doenças mais frequentes; houve presença de correlação positiva entre a queda nos níveis de Ht e Hb e não se identificou uma associação entre síndromes hipertensivas e HPP.
Conclusões: Primíparas portadoras de síndromes hipertensivas não apresentaram maior probabilidade de HPP.
Palavras-chave: Hemorragia pós-parto. Hipertensão induzida pela gravidez. Síndrome HELLP. Eclampsia. Pré-eclâmpsia. Hipertensão.
Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.


Palavras-chave


Hemorragia Pós-Parto; Hipertensão Induzida pela Gravidez; Síndrome HELLP; Eclâmpsia; Pré-Eclâmpsia; Hipertensão

Texto completo:

PORTUGUÊS ENGLISH


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447