“O Sistema Único de Saúde que dá certo”: ações de humanização no pré-natal

Camila Nunes Barreto, Laís Antunes Wilhelm, Silvana Cruz da Silva, Camila Neumaier Alves, Luiza Cremonese, Lúcia Beatriz Ressel

Resumo


Objetivo: Entender como ocorre a aproximação dos pressupostos de humanização das políticas públicas e dos programas de saúde propostos pelo Ministério da Saúde na práxis da atenção pré-natal de risco habitual.
Método: Estudo de campo, descritivo exploratório de abordagem qualitativa. A pesquisa foi realizada de fevereiro a junho de 2014, com observação participante e entrevista semiestruturada, em quatro unidades de saúde da família, tendo a participação de cinco enfermeiros e três médicos. Quanto à análise de dados, optou-se pela Proposta Operativa.
Resultados: As categorias reveladas neste estudo que promoveram a humanização da atenção pré-natal foram: a aproximação e a vinculação da gestante e de sua família com as unidades de saúde da família e a educação permanente como facilitadora da humanização no pré-natal.
Conclusões: Compreende-se que para a aproximação de uma atenção humanizada é necessário um olhar ampliado frente às singularidades das mulheres.
Palavras-chave: Cuidado pré-natal. Humanização da assistência. Atenção primária à saúde. Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.


Palavras-chave


Cuidado pré-natal; Humanização da assistência; Atenção primária à saúde; Enfermagem

Texto completo:

PORTUGUÊS ENGLISH


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447