Amamentação e as intercorrências que contribuem para o desmame precoce

Carolina Sampaio Oliveira, Fátima Aparecida Iocca, Mona Lisa Rezende Carrijo, Rodrine de Almeida Teixeira Mattos Garcia

Resumo


Objetivo: Conhecer a vivência de mães em relação à amamentação e as intercorrências que contribuem para o desmame precoce.
Método: Pesquisa do tipo descritiva-exploratória, com abordagem qualitativa realizado em uma unidade de Estratégia da Saúde da Família, no município de Cáceres-MT, por meio de entrevista semi-estruturada com 21 mulheres que tiveram filhos de janeiro/2012 a janeiro/2014.
Resultados: Os dados apontaram que ao término dos 6 meses das crianças, somente 19,1%, continuavam em Aleitamento Materno Exclusivo e as principais alegações para sua ocorrência foram: Déficit de conhecimentos inexperiência/insegurança; Banalização das angústias maternas; Intercorrências da mama puerperal; Interferências familiares; Leite fraco/insuficiente; trabalho materno.
Conclusão: O estudo reforçou a necessidade de ajustes no modelo de atenção vigente, ultrapassando aplicabilidade de técnicas pré-definidas, incentivando a criticidade perceptiva dos profissionais de saúde na construção de novos saberes e condutas.
Palavras-chave: Aleitamento materno. Desmame. Enfermagem materno-infantil. Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.


Palavras-chave


Aleitamento materno, desmame, enfermagem materno-infantil.

Texto completo:

PORTUGUÊS English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447