O currículo integrado na graduação em enfermagem: entre o ethos tradicional e o de ruptura

Simone Perufo Opitz, Júlia Trevisan Martins, Paulo Celso Prado Telles Filho, Ana Elisa Bauer Camargo Da Silva, Thalyta Cardoso Alux Teixeira

Resumo


O mundo contemporâneo acena com novas necessidades à sociedade, estimulando as universidades para buscarem
formas de acompanhamento dessas demandas e proporcionar uma formação profissional capaz de atendê-las. Neste sentido, este trabalho apresenta uma reflexão sobre o ensino de graduação em Enfermagem, enfocando o currículo
integrado como instrumento inovador para os professores e os estudantes analisarem os problemas não só na perspectiva
de disciplinas, mas, também, de outras áreas do conhecimento. Os resultados desvelam a importância do
currículo integrado, como um mecanismo em que o conhecimento é socialmente compartilhado, por meio de construção de projetos pedagógicos flexíveis, que possam considerar os novos modelos da sociedade, assinalando as
diferenças entre o ethos tradicional e o de ruptura.

Palavras-chave


Currículo; Ensino; Educação em enfermagem; Educação superior.

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447