Validação clínica do resultado de enfermagem mobilidade em pacientes com acidente vascular cerebral

Rafaella Pessoa Moreira, Thelma Leite de Araujo, Marcos Venícios de Oliveira Lopes, Tahissa Frota Cavalcante, Nirla Gomes Guedes, Emília Soares Chaves, Regiane Campos Portela, Rose-Eloise Holanda

Resumo


Objetivo: Validar clinicamente o resultado de enfermagem Mobilidade em pacientes com acidente vascular cerebral. Métodos: Estudo descritivo, desenvolvido em julho de 2011 com 38 pacientes em tratamento ambulatorial, no nordeste do Brasil. A coleta de dados aconteceu por meio da avaliação de duas duplas de enfermeiras especialistas, sendo que uma dupla utilizou o instrumento contendo as definições constitutivas e operacionais dos indicadores e magnitudes do Resultado Mobilidade e a outra dupla sem tais definições. Resultados: Ao analisar as avaliações entre as enfermeiras, todos os indicadores apresentaram diferença significativa pelo teste de Friedman (p<0,05). Conclusão: As definições constitutivas e operacionais submetidas ao processo de validação proporcionam maior acurácia na avaliação do estado de Mobilidade do paciente com acidente vascular cerebral. Palavras-chave: Enfermagem. Acidente vascular cerebral. Avaliação de resultados (Cuidados de saúde).


Palavras-chave


Enfermagem; Acidente Vascular Cerebral; Avaliação de Resultados

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447