Análise da punção venosa e sondagens nasogástrica e nasoenteral em unidade de internação pediátrica

Arlene Gonçalves dos Santos Pedroso, Ana Maria Muller de Magalhães

Resumo


O estudo analisa os procedimentos assistenciais de punção venosa e sondagens (naso-entérica e naso-gástrica) em paciente pediátrico, realizados pelo enfermeiro em Unidade de Internação Pediátrica, buscando identificar a freqüência
e o tempo despendido na sua realização com vistas a fornecer subsídios para o planejamento de recursos humanos de enfermagem. Trata-se de um estudo observacional, exploratório-descritivo, realizado em um hospital universitário
de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. Participaram do estudo dois enfermeiros, selecionados de forma intencional. Para a coleta de dados, utilizou-se um registro estruturado de observação. O tempo médio despendido na realização
de punção venosa foi de =>,?2 minutos e das sondagens foi de =0,8 minutos. Os resultados possibilitaram uma compreensão da complexidade dos processos investigados, cujos elementos relacionam-se ao processo de trabalho do enfermeiro e dos demais profissionais envolvidos, assim como da família e da criança submetida a procedimentos

Palavras-chave


Enfermagem pediátrica; Recursos humanos de enfermagem no hospital; Downsizing organizacional;Serviços de enfermagem

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447