O trabalho com grupos como instância de aprendizagem em saúde

Clarice Maria Dall’Agnol, Darielli Gindri Resta, Elisangela Zanatta, Guisela Schrank, Rosana Maffacciolli

Resumo


Este artigo nos remete a pensar sobre práticas de grupo como tática para promover o aprendizado no âmbito da educação em saúde, além de traçar algumas reflexões acerca do conceito de grupo e suas implicações na aprendizagem. A discussão recai sobre um tipo de assistência no sentido de desenvolver estratégias de educação em saúde, gerando a participação, trocas de experiências e promovendo mudanças positivas no cotidiano vivencial das pessoas envolvidas. Sendo assim, os grupos representam uma alternativa assistencial que necessita ser agregada ao cotidiano profissional, buscando romper com perspectivas unidimensionais de atenção à saúde.

Palavras-chave


Prática de grupo; Educação em saúde; Aprendizagem

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447