Concepções de maternidade e de cuidado infantil de mães e profissionais de enfermagem

Carmen Lucia Mottin Duro

Resumo


O artigo desdobra-se de uma pesquisa que teve por objetivo analisar concepções de maternidade e de cuidado infantil presentes em um grupo de mulheres, mães de crianças cadastradas no Programa Pra-Nenê, da Vila Cruzeiro do Sul, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, durante o ano de 2002. Procura analisar, de forma relacionada, concepções de maternidade das mães, dos/as profissionais de enfermagem e aquelas contidas nos documentos oficiais que norteiam o programa. Os resultados apontam para concepções de maternidade e de cuidado infantil conflituosas quando se tomam como referência as concepções vigentes no grupo de mulheres pesquisadas e as que norteiam o texto programático e informam as práticas educativas desenvolvidas pelos/as profissionais.

Palavras-chave


Maternidades; Cuidado da criança; Identidade de gênero

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447