Uso da narrativa como estratégia de sensibilização para o modelo do cuidado centrado na família

Daniela Doulavince Amador, Fernanda Ribeiro Baptista Marques, Adriana Maria Duarte, Flavia Simphronio Balbino, Maria Magda Ferreira Gomes Balieiro, Myriam Aparecida Mandetta

Resumo


O objetivo foi compreender o significado do uso da narrativa de doença para a sensibilização de estudantes e profissionais de saúde para o modelo do cuidado centrado na família. Estudo de abordagem qualitativafundamentado na filosofia do Cuidado Centrado na Família e conduzido pela Análise Qualitativa de Conteúdo como referencial metodológico. Para a coleta de dados foram utilizadas as avaliações realizadas por29 participantes deum evento realizadoem 2013, em São Paulo.A categoria analítica “sendo transformadopela narrativa da família", compôs-se das subcategorias: favorece a aproximação com a experiência da família; facilitao aprendizado sobre família; e gera reflexão sobre a prática com a família. O estudo evidenciou que ouvir a narrativa das vivências da família com doença e hospitalização da criança promove a sensibilização do profissional de saúde e do estudante para o modelo do cuidado centrado na família sendo facilitadora para sua aprendizagem.


Palavras-chave


Família; Hospitalização; Educação; Narração

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447