Por que lavar ou não as mãos? motivos de um grupo de enfermagem

Angela Conte Martini, Clarice Maria Dall’agnol

Resumo


Por meio de um estudo qualitativo, investigou-se junto a trabalhadores de enfermagem de um hospital de pronto socorro sobre as razões que os impulsionam a lavar ou não as mãos, sendo este ato uma importante medida de controle de infecção hospitalar. Os dados, obtidos mediante a técnica de grupo focal, foram submetidos à análise de enunciação, resultando em temas emergentes. Evidenciou-se que o suprimento de recursos materiais e ambientais é fundamental mas não dá conta da problemática. A adesão ao procedimento ocorre mais em vigência de sujidade aparente, sendo uma prática negligenciada, pouco valorizada, com enfoque predominante na proteção do profissional.

Palavras-chave


Lavagem de mãos; Infecção hospitalar; Equipe de enfermagem; Grupos de estudo; Humano.

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447