Compreendendo o paciente gravemente enfermo e sua família na realidade domiciliar

Geruza Diogo Freire, Débora Rebollo de Campos, Magali Roseira Boemer

Resumo


Este estudo se propôs a compreender a realidade de conviver-com um paciente gravemente enfermo sob a perspectiva do familiar cuidador. Buscamos, em um município do interior paulista, conhecer famílias que cuidavam, em casa, de familiares que se encontravam gravemente enfermos. Nossa intenção foi compreender a essência do significado desta situação para o familiar cuidador. O estudo é de natureza qualitativa, segundo o referencial teórico-metodológico da fenomenologia. Foram coletados depoimentos dos familiares, por meio de entrevista, lançando uma questão norteadora. Da análise atentiva destes depoimentos emergiram categorias temáticas, sinalizando para a essência do cotidiano desse cuidado, sob a ótica do cuidador.

Palavras-chave


Cuidados domiciliares de saúde; Pacientes incuráveis; Cuidados a doentes terminais

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447