A sexualidade na assistência de enfermagem: reflexões numa perspectiva cultural

Lúcia Beatriz Ressel, Dulce Maria Rosa Gualda

Resumo


Este estudo objetivou compreender a sexualidade, seus significados, simbolizações, sentimentos e valores. Os dados foram coletados através de grupo focal e entrevista individual com enfermeiras. Os sentimentos emergentes foram: constrangimento; medo; surpresa; desafio; mágoa; preocupação e satisfação pessoal. A vivência da sexualidade na assistência de enfermagem revelou: a perspectiva patologizante e biologicista na atuação da enfermeira, mostrando esta dimensão como algo que necessita ser medicalizado; por outro lado, este tema pode ser um caminho para o autoconhecimento, reflexão de conceitos, valores e conflitos, e ser gerador de um cuidado de enfermagem ético, comprometido e empático, valorizando assim a dignidade dos sujeitos cuidados e dos cuidadores.

Palavras-chave


Sexualidade; Cultura; Enfermagem

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447