Padrões de conhecimento da enfermagem e suas implicações no ensino

Maria Elisabeth Cestari

Resumo


O artigo apresenta a enfermagem, como uma disciplina que está delimitando suas fronteiras e que, portanto, tem necessidade de definir suas formas próprias de conhecer, produzir e validar o conhecimento. Neste sentido é apresentada uma breve revisão de literatura sobre padrões de conhecimento próprios da enfermagem, a saber o padrão empírico, o ético, o estético e o pessoal. A partir da caracterização de cada um destes padrões é discutida sua implicação no ensino, destacando a necessidade de privilegiar estas formas próprias de conhecer durante o processo de ensino-aprendizagem formal.

Palavras-chave


Enfermagem/educação; Conhecimento

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447