A relação de ajuda como instrumento para o trabalho do enfermeiro psiquiátrico: relato de um caso

Antonio Carlos Siqueira Junior, Antonia Regina F. Furegato, Maria Cecília Moraes Scatena

Resumo


Este estudo foi desenvolvido na unidade de internação psiquiátrica de um hospital da Faculdade de Medicina de Marília, tendo como objetivo discutir a aplicação da técnica de relação de ajuda ocorrida entre um enfermeiro e um cliente com diagnóstico de esquizofrenia. Selecionado um paciente com diagnóstico de esquizofrenia esquizo-afetiva foi desenvolvida com ele uma interação de aproximadamente 35 minutos. Depois, esta foi analisada e discutida juntamente com docentes da disciplina “Relacionamento Interpessoal Enfermeiro Paciente”. Observou-se que, mesmo sendo uma tarefa difícil trabalhar com esquizofrênicos, é possível desenvolver uma assistência pautada na relação de ajuda.

Palavras-chave


Esquizofrenia/enfermagem; Relações interpessoais; Enfermagem psiquiátrica

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447