Marco conceitual para a prática de enfermagem social: contribuição para bases de uma teoria de enfermagem

Edna Paciência Vietta

Resumo


Partindo de um referencial teórico consubstanciado em conceitos de classe social, diferenças de classes, luta de classes, conscientização, orientado por uma linha filosófica humanista de concepção não-determinista, visão holística e abordagem dialética, buscou-se elaborar um marco conceitual para ações de Enfermagem Social. Na elaboração deste marco utilizamo-nos da conceituação cujo processo abrangeu os seguintes conceitos: Homem, Sáude, Relação de Ajuda, Prevenção primária, Enfermagem, Enfermagem Social.

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447