ATIVIDADES DO ENFERMEIRO NOS SISTEMAS DE TRIAGEM/CLASSIFICAÇÃO DE RISCO NOS SERVIÇOS DE URGÊNCIA: REVISÃO INTEGRATIVA

Aline Marques Acosta, Carmen Lucia Mottin Duro, Maria Alice Dias da Silva Lima

Resumo


Objetivou-se identificar e avaliar as evidências disponíveis na literatura sobre as atividades do enfermeiro na
classificação de risco nos serviços de urgência. Realizou-se uma revisão integrativa, com busca nas bases de dados
Science Direct, Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature (CINAHL), Medical Literature Analysis
and Retrievel System Online (MEDLINE), Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS)
e Scientific Electronic Library Online (SCIELO). Foram selecionados 22 artigos que atenderam aos critérios de
inclusão. Os resultados evidenciaram que as principais atribuições deste profissional são a avaliação do estado de
saúde do usuário e a tomada de decisão, processo que necessita de conhecimento clínico e de tempo de experiência. O enfermeiro tem a capacidade de organizar o fluxo dos usuários conforme a prioridade do atendimento e a demanda dos serviços, sendo um profissional de excelência na execução da triagem/classificação de risco nos serviços de urgência.

Palavras-chave


Enfermagem em Emergência; Serviço Hospitalar de Emergência; Triagem

Texto completo:

PDF PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447