PERCEPÇÃO DAS PESSOAS COM LESÃO MEDULAR SOBRE A SUA CONDIÇÃO

Ana Maria Fernandes Borges, Paula Brignol, Soraia Dornelles Schoeller, Albertina Bonetti

Resumo


Este estudo tem como objetivo conhecer a percepção das pessoas com lesão medular sobre sua condição e investigar
algumas de suas características. Estudo descritivo, de natureza qualitativa do tipo exploratória, realizado com vinte e
cinco pessoas com lesão medular, participantes de um centro de reabilitação. Os dados foram coletados por entrevistas
semiestruturadas, com base em roteiro. A organização, categorização e análise dos mesmos ocorreram segundo análise
temática. Emergiram dos dados quatro categorias, além das características dos participantes: diferentes formas de
percepção da sua condição; diferentes formas de enfrentamento à sua condição; família, o apoio essencial; e todos têm
problemas a ser superados. As pessoas com lesão medular enfrentam e percebem sua condição de diferentes maneiras,
relacionadas ao apoio familiar, a capacidade de se autogovernar, a realização de atividades da vida diária e estabelecimento de novos objetivos de vida. O conhecimento dessas questões é importante para a realização do cuidado em saúde.

 


Palavras-chave


Medula espinhal; Reabilitação; Autonomia Pessoal; Enfermagem.

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447