QUALIDADE DE VIDA DO PACIENTE COM CÂNCER COLORRETAL EM QUIMIOTERAPIA AMBULATORIALa

Patrícia Lemos Chaves, Maria Isabel Pinto Coelho Gorini

Resumo


Trata-se de um estudo transversal com abordagem quantitativa descritiva, no qual buscou-se avaliar a qualidade
de vida (QV) do paciente com câncer colorretal em quimioterapia ambulatorial. A pesquisa foi desenvolvida em
uma Unidade de Quimioterapia Ambulatorial em um hospital do sul do Brasil, cujos pacientes eram portadores do
diagnóstico de câncer colorretal e foram submetidos ao tratamento com o Protocolo 5FU. A amostra contou com
48 participantes que estavam em tratamento quimioterápico por um período de seis meses. Utilizou-se como
instrumento um questionário, o WHOQOL-Bref. Nos resultados encontrados, prevaleceu a idade de 50 anos ou
mais e possuíam no mínimo um mês e no máximo 11 meses de tratamento. Os domínios do WHOQOL-Bref
afetados mais significativamente foram o psicológico e o das relações sociais, respectivamente, havendo diferença
nas respostas quanto à QV geral naqueles que estavam no 1º ciclo de tratamento daqueles que já se encontravam no
6º ciclo.


Palavras-chave


Oncologia; Qualidade de Vida; Whoqol

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447