A família e a internação psiquiátrica em hospital geral

Rita Mello Mello, Jacó Fernando Schneider

Resumo


Estudo com abordagem qualitativa de natureza na sociologia fenomenológica, de Alfred Schutz, que teve como
objetivo identificar os motivos para- relacionados à Internação Psiquiátrica em um Hospital Geral (UIPHG) para
os familiares. Para tanto, foram entrevistados 14 familiares que possuíam um de seus membros internados na
UIPHP no período de agosto a outubro de 2009. Utilizou-se como questão orientadora da entrevista fenomenológica:
“o que você espera da Internação Psiquiátrica em um Hospital Geral?”. Para compreensão e interpretação dos
depoimentos, utilizou-se o referencial teórico da sociologia fenomenológica. Os discursos revelaram três categorias
concretas que remeteram aos motivos para: orientação e continuidade no tratamento; perspectivas de melhora
e projeções sobre normalidade. Com essa investigação é possível mostrar o tipo vivido desses familiares e contribuir
para que os profissionais de saúde mental reflitam sobre suas ações e sobre o envolvimento da família em uma
unidade de internação psiquiátrica em hospital geral.

Palavras-chave


Saúde mental; Família; Internação hospitalar, Enfermagem

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447