Características de pacientes disfágicos em serviço de atendimento domiciliar público

Lolita da Silva, CArina Teixeira Paixão

Resumo


Este artigo teve como objetivo identificar as características dos pacientes portadores de disfagia decorrente de um acidente cerebrovascular em relação à idade, fatores de risco, episódios de acidente vascular cerebral (AVC) e grau de dificuldade para deglutir em função da consistência dos alimentos. Estudo transversal com 30 pacientes através da técnica da entrevista. Os resultados mostraram média de idade de 73,6 (± 9,55) anos, sendo 76,47% de mulheres, todos hipertensos e a metade diabéticos (58,82%). Todos tiveram acidente vascular isquêmico. Não se encontrou associação entre disfagia e idade nem com a frequência de episódios de AVC. Pacientes com hipertensão e diabetes apresentam maior chance para a disfagia. Constatou-se que a dificuldade de deglutição para líquidos é maior que os pacientes com disfagia são idosos com vários fatores de risco diante do que o enfermeiro deve orientar para uma alimentação segura diminuindo complicações como a pneumonia e a desnutrição.


Palavras-chave


deglutição; enfermagem; acidente vascular cerebral

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447