Absenteísmo na enfermagem: uma revisão integrativa

Michele Cristiene Nachtigall Barboza, Danusa Fernandes Severo, Edison Alfredo Araújo Marchand, Hedi Crecencia Heckler de Siqueira

Resumo


O absenteísmo na enfermagem é um problema de extrema preocupação, o qual interfere no cuidado ao cliente, sobrecarrega os demais integrantes da equipe e pode levar ao adoecimento. Objetiva-se neste estudo conhecer as produções científicas nacionais, resumos de artigos, publicados no período de 2003 a 2008, abrangendo o tema absenteísmo dos profissionais de enfermagem. Realizou-se uma busca on-line, nas bases de dados: LILACS, SciELO, BDENF e Portal CAPES. Da análise emergiram dois temas: Doenças que geram o absenteísmo nos profissionais de enfermagem; e Estratégias criadas para minimizar o absenteísmo. Concluiu-se que os profissionais de enfermagem são acometidos por inúmeros problemas de saúde, sendo uma das causas do absenteísmo. Destacaram-se as estratégias do dimensionamento de pessoal e as ações preventivas como modos de estabelecerem melhores condições de trabalho, minimizando o absenteísmo.


Palavras-chave


absenteísmo, enfermagem, Saúde do Trabalhador.

Texto completo:

PDF


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447