A PERCEPÇÃO DO IDOSO ACERCA DAS ATIVIDADES SOCIAIS E SAÚDE

Rosana Amora Ascari, Daniela Fernanda Comiran, Aila Anne Pinto Farias, Larissa Evangelista Ferreira

Resumo


O objetivo deste estudo foi analisar a percepção de idosos acerca da relação entre atividades sociais e saúde. Pesquisa exploratória e descritiva, com abordagem qualitativa, realizada no segundo semestre de 2011 com 20 idosos participantes e não participantes de atividades sociais, por meio de entrevista semiestruturada e analisada pela técnica de análise de conteúdo. Dessa análise emergiram quatro categorias, que são: saúde e qualidade de vida; doença; ser saudável e ativo e limitações impostas pela terceira idade, as quais revelaram as percepções desses idosos acerca da relação entre atividades sociais e saúde do idoso.  Promover o envelhecimento ativo é uma das formas de se preparar a sociedade para atender as necessidades da progressiva demanda de idosos.

Palavras-chave


Saúde do idoso; Participação Social; Enfermagem em Saúde Comunitária; Envelhecimento; Qualidade de vida.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações programáticas Estratégicas. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem (Princípios e Diretrizes). Brasília, 2008. Disponível em: . Acesso em: 08 out. 2013.

______. Ministério da Saúde. Portaria n. 2.528, de 19 de outubro de 2006. Aprova a Política Nacional de Saúde da pessoa Idosa. Brasília, 2006. Disponível em: . Acesso em: 15 jul.2013.

_____. Lei n. 8.842, de 04 de janeiro de 1994. Dispõe sobre o Estatuto do Idoso, cria o Conselho Nacional do Idoso e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 04 jan. 1994. Disponível em: . Acesso em: 11 jun. 2013.

_____. Lei 10.741 de 1º de outubro de 2003. Dispõe sobre o Estatuto do Idoso e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 1 out. 2003. Disponível em: . Acesso em: 16 jun. 2013.

CARDOSO, Derly de Jesus Rodrigues; DIAS, Tatiane Lebre; MALUF, Fernanda. Um estudo sobre depressão do idoso. Cuiabá-MT. 2004. Disponível em: . Acesso em 15 fev. 2012.

CARNEIRO, Rachel Shimba; FALCONEA, Eliane; CLARKA, Cynthia; PRETTE, Zilda Del; PRETTE, Almir Del. Qualidade de vida, apoio social e depressão em idosos: relação com habilidades sociais. Psicologia: Reflexão e Crítica, Porto Alegre, v. 20, n. 2, p. 229-37, 2007. Disponível em: . Acesso em: 20 ago. 2013.

FERRETTI, Fátima; NIEROTKA, Rosana Paula; SILVA, Márcia Regina da. Concepção de saúde segundo relato de idosos residentes em ambiente urbano. Interface – Comunicação, Saúde, Educação, Chapecó/SC, v. 15, n. 37, p. 565-72, 2011. Disponível em: . Acesso em: 20 out. 2012.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Estimativa populacional para municípios brasileiros, 2012. Disponível em: . Acesso em: 20 out 2013.

MEURER, Simone Terezinha et al. Perfil do estilo de vida de idosos atletas. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 18, n. 2, p. 401-9, 2013. Disponível em: . Acesso em: 11 jan. 2014.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 23 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2004.

OLIVEIRA, Deise A. Almeida Pires; GOMES, Lucy; OLIVEIRA, Rodrigo F. Prevalence of depression among the elderly population Who frequent community centers. Revista Saúde Pública [online], São Paulo, v. 40, n. 4, p. 736-6, 2006. Disponível em: . Acesso em: 16 out. 2013.

SILVA, Marilda Checcucci Gonçalves da. A alimentação e a culinária de imigração européia no Vale do Itajaí. Itajaí-SC, 2002. Disponível em: . Acesso em: 16 out. 2013.




Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento. ISSN: 1517-2473 (impresso) e 2316-2171 (eletrônico)
Qualis Capes 2016, área interdisciplinar: B2