EDUCAÇÃO GERONTOLÓGICA, ENVELHECIMENTO HUMANO E TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS: REFLEXÕES SOBRE VELHICE ATIVA

Michele Marinho da Silveira, Adriano Pasqualotti, Eliane Lucia Colussi

Resumo


Este estudo tem como objetivo refletir sobre a questão do envelhecimento do indivíduo e a possibilidade deste participar de uma educação gerontológica ampliando sua qualidade de vida. Discute-se a importância da educação direcionada ao envelhecimento humano para a vida desse segmento da população que cresce em processo acelerado, além de formas e ações que proporcionem uma velhice ativa tanto no aspecto individual quanto na relação dos idosos com o mundo social que o cerca. Destaca-se, também, o processo de educação para o envelhecimento do indivíduo na criação de universidades abertas para terceira idade, novos cursos que objetivam a formação de pesquisadores e docentes do ensino superior para analisar e atender às demandas biopsicossociais da população idosa contribuindo para a produção de conhecimentos de caráter multidisciplinar sobre o tema. Tais ações, em conjunto com políticas públicas adequadas, poderão garantir as condições necessárias para a permanência do idoso ativo, assim como uma conscientização da população para a valorização do sujeito mais velho, como fontes de desenvolvimento físico, mental e emocional.


Palavras-chave


Envelhecimento. Gerontologia. Educação. Qualidade de vida. Tecnologias Educacionais.

Texto completo:

PDF


Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento. ISSN: 1517-2473 (impresso) e 2316-2171 (eletrônico)
Qualis Capes 2016, área interdisciplinar: B2