A PRODUÇÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA E A PROBLEMATIZAÇÃO ACERCA DA MEIA-IDADE: UM ESTUDO A PARTIR DE PERIÓDICOS DO CAMPO DA EDUCAÇÃO FÍSICA

Priscilla de Cesaro Antunes, Ana Márcia Silva

Resumo


 

Objetivou-se apresentar um panorama da produção acadêmica do campo da Educação Física, tendo como foco central o momento da vida identificado como meia-idade. Foram analisados 18 periódicos vinculados ao campo da Educação Física, no período compreendido entre 2000 e 2010, recuperando-se 79 artigos que apresentaram foco na meia-idade. Partiu-se da hipótese de que esse tema é pouco explorado, a qual foi confirmada visto que os artigos recuperados constituíram apenas 2% do total de 3.941 artigos publicados no período. Observou-se que, predominantemente: os estudos foram pesquisas de campo, realizadas com mulheres, num intervalo amplo de idades; os temas abordados foram os de aptidão física, doenças/fatores de risco, validação de testes/equações, adesão/ motivação para exercício, concepção de envelhecimento, esporte, aposentadoria, necessidades especiais e sociabilidade. A análise dos resultados indicou que tais temas foram tratados a partir de uma perspectiva biologicista, enquanto a meia-idade foi caracterizada como um momento de declínio com alterações fisiológicas no organismo que trazem prejuízos para a vida; os autores têm recorrido a referenciais sobre velhice para analisar/refletir dados sobre meia-idade, e a doença, mais do que a saúde, foi o parâmetro central para os estudos analisados.


 


Palavras-chave


Meia-idade; Adulto; Educação Física

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Ângela Maria de Oliveira; CUNHA, Gleicimar Gonçalves. Representações Sociais do Desenvolvimento Humano. Psicologia: Reflexão e Crítica, Porto Alegre, v. 16, n. 1, p. 147-155, 2003.

ANTUNES, Priscilla. Corpo, saúde e práticas corporais: uma análise da produção científica da Educação Física acerca de pessoas na meia-idade. Florianópolis: UFSC, 2010. 198p. Dissertação (Mestrado em Educação Física). Programa de Pós-Graduação em Educação Física, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2010.

ANTUNES, Priscilla; SCHNEIDER, Maria Dênis. Primeiras aproximações com o conceito de maturidade: um olhar a partir de uma realidade social feminina. In: FALCÃO, José; SARAIVA, Maria do Carmo (Orgs.). Esporte e lazer na cidade: a prática teorizada e a teoria praticada. Florianópolis: Lagoa, 2007, p. 61-82.

BOHRER, Kauê; CARLOS, Sérgio. Teses e dissertações sobre o envelhecimento produzidas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e incluídas no sistema de bibliotecas no ano de 2008. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 14, n. 1, p. 135-158, Jun. 2009.

CARLOS, Sérgio. Teses e dissertações sobre o envelhecimento produzidas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e incluídas no sistema de bibliotecas no ano de 2006. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 11, p. 153-165, 2007.

_____. Teses e dissertações sobre o envelhecimento produzidas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul no ano de 2005. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 9, p. 131-141, 2006.

DEBERT, Guita. A antropologia e o estudo dos grupos e das categorias de idade. In: BARROS, Myriam Moraes Lins de (Org.). Velhice ou Terceira Idade: estudos antropológicos sobre identidade, memória e política. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1998, p. 49-68.

_____. A invenção da Terceira Idade e a rearticulação de formas de consumo e demandas políticas. In: XX ENCONTRO ANUAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM CIÊNCIAS SOCIAIS, 1996, Caxambu. Anais... Caxambu: ANPOCS, 1996.

DOMINGUES, José. Gerações, modernidade e subjetividade coletiva. Tempo social: Revista de Sociologia da USP, São Paulo, v. 14, n. 1, p. 67-89, Mai. 2002.

DUARTE, Cátia; SANTOS, Cristiane; GONÇALVES, Andréa. A concepção de pessoas de meia-idade sobre saúde, envelhecimento e atividade física como motivação para comportamentos ativos. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Campinas, v. 23, n. 3, p. 35-48, Mai. 2002.

DUARTE, Lucia. Idade Cronológica: mera questão referencial no processo de envelhecimento. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 2, p. 35-47, 1999.

ESTUDOS INTERDISCIPLINARES SOBRE O ENVELHECIMENTO. Teses e dissertações sobre o envelhecimento produzidas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e incluídas no sistema de bibliotecas no ano de 2009. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 15, n. 1, p. 135-155, Jun. 2010.

FERREIRA, Norma. As pesquisas denominadas “estados da arte”. Educação & Sociedade, Campinas, v. 23, n. 79, p. 257-272, Ago. 2002.

GONÇALVES, Andréa; DUARTE, Cátia; SANTOS, Cristiane. Atividade física na fase da meia-idade: motivos de adesão e de continuidade. Movimento, Porto Alegre, v. 7, n. 15, p. 75-88, 2001.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE. Sinopse do Censo Demográfico 2010. Rio de Janeiro, 2011.

JORGE, Márcia. Perdas e ganhos no envelhecimento da mulher. Psicologia em Revista, Belo Horizonte, v. 11, n. 17, p. 47-61, Jun. 2005.

MARQUES, Alexandre; NAHAS, Markus. Qualidade de vida de pessoas portadoras de Síndrome de Down, com mais de 40 anos, no Estado de Santa Catarina. Revista Brasileira de Ciência e Movimento, Brasília, v. 11, n. 2, p. 55-61, Jun. 2003.

MATIELLO JUNIOR, Edgard et al. Superando riscos na atividade física relacionada à saúde. Movimento, Porto Alegre, v. 14, n. 1, p. 39-61, Abr. 2008.

MELO, Cristiane; ANTUNES, Priscilla; SCHNEIDER, Maria Dênis. Desenferrujando as dobradiças: as práticas corporais na maturidade. In: SILVA, Ana Márcia; DAMIANI, Iara (Orgs.). Práticas Corporais: trilhando e (compar)trilhando as ações em Educação Física. Florianópolis: Nauemblu, 2005, p.107-128.

MINAYO, Maria Cecília. Mudanças globais e tendências no campo da saúde no Brasil. Revista da Educação Física/UEM, Maringá, v. 15, n. 1, p. 69-80, 1º sem. 2004.

_____. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 11. ed. São Paulo: Hucitec, 2008.

MOREIRA, Virgínia; NOGUEIRA, Fernanda. Do indesejável ao inevitável: a experiência vivida do estigma de envelhecer na contemporaneidade. Psicologia USP, São Paulo, v. 19, n. 1, p. 59-79, Jan./Mar. 2008.

OLIVEIRA, Marta. Ciclos de vida: algumas questões sobre a psicologia do adulto. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 30, n. 2, p. 211-229, Mai./Ago. 2004.

PINHEIRO, Luís Fernando. Teses e dissertações sobre o envelhecimento produzidas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e incluídas no sistema de bibliotecas no ano de 2007. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 13, n. 1, p. 147-163, 2008.

SANT’ANNA, Denise. Transformações do corpo: controle de si e uso dos prazeres. In: RAGO, Margareth; ORLANDI, Luiz; VEIGA

NETO, Alfredo (Orgs.). Imagens de Foucault e Deleuze: ressonâncias nietzsheanas. Rio de Janeiro: DP&A, 2002, p. 99-110.

_____. Corpos de passagem: ensaios sobre a subjetividade contemporânea. São Paulo: Estação Liberdade, 2001.

SANTOS, Susan; KNIJNIK, Jorge. Motivos de adesão à prática de atividade física na vida adulta intermediária. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 23-34, 2006.

SILVA, Ana Márcia. Corpo, ciência e mercado: reflexões acerca da gestação de um novo arquétipo da felicidade. Campinas: Autores Associados; Florianópolis: Editora da UFSC, 2001.

_____. Das práticas corporais ou porque Narciso se exercita. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 17, n. 3, p. 244-251, Mai. 1996.

SILVA, Ana Márcia et al. Corpo e experiência: para pensar as práticas corporais. In: FALCÃO, José; SARAIVA, Maria do Carmo (Orgs.). Práticas corporais no contexto contemporâneo: (in)tensas experiências. Florianópolis: Copiart, 2009, p. 10-27.

SIMÕES, Regina. Corporeidade e terceira idade. Piracicaba: UNIMEP, 1994.

SOARES, Carmem. Corpo e História. Campinas: Autores Associados, 2004.

SOUSA, Filomena. O que é “ser adulto”? As práticas e representações sociais – A Sociologia do Adulto. VI Congresso Português de Sociologia. Lisboa, 2008.

TRINDADE, Ellika. Hermenêutica do existir do homem de meia-idade - paternidade, sexualidade e projetos de vida: um olhar à luz de Heidegger. Riberão Preto: USP, 2002. Tese (Doutorado em Psicologia) - Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002.

VALE, Rodrigo; NOVAES, Jefferson; DANTAS, Estélio. Efeitos do treinamento de força e de flexibilidade sobre a autonomia de mulheres senescentes. Revista Brasileira de Ciência e Movimento, Brasília, v. 13, n. 2, p. 33-40, 2005.

VERAS, Renato; CALDAS, Célia. Promovendo a saúde e a cidadania do idoso: o movimento das universidades da terceira idade. Revista Ciência e Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 9, n. 2, p. 423-432, 2004.




Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento. ISSN: 1517-2473 (impresso) e 2316-2171 (eletrônico)
Qualis Capes 2016, área interdisciplinar: B2