PESSOAS IDOSAS, COVID-19 E SAÚDE BUCAL:INTERLOCUÇÕES, PARTICULARIDADES E REFLEXÕES

Julio Baldisserotto, Camila Mello Dos Santos, Renato José De Marchi, Aline Blaya Martins Santa Helena, Alexandre Bulgarelli

Resumo


Uma pandemia como a da COVID-19 faz a população mundial repensar várias questões envolvendo cuidado em saúde de pessoas idosas. Neste contexto, a assistência odontológica deve se adequar ao enfrentamento da referida pandemia. O presente artigo reflexivo tem como objetivo apresentar uma narrativa sobre questões envolvendo a atualidade do cuidado em saúde bucal das pessoas idosas frente aos novos desafios trazidos pela pandemia do coronavírus. Neste artigo, especialistas da área trazem algumas perspectivas sobre as intersecções entre os cuidados com a saúde e suas pluralidadesfrente à pessoa idosa. Desse modo, educação em saúde, saúde mental e cuidado compassivo são compreendidos como desafios a serem enfrentados. A COVID-19 em pessoas idosas institucionalizadas e as ações de cuidadores relacionadas à saúde bucal são necessidades emergentes que necessitam ser discutidas para nortear ações atuais e futuras.

Palavras-chave


Saúde do idoso; Saúde bucal; COVID-19; Saúde mental; Educação em saúde

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2316-2171.106560

Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento. ISSN: 1517-2473 (impresso) e 2316-2171 (eletrônico)
Qualis Capes 2019, A3