ANÁLISE DA RELAÇÃO ENTRE A PRÁTICA DO LEAN E O DESEMPENHO DE PRAZO DE PROJETOS EM ORGANIZAÇÕES REPRESENTATIVAS DE PESQUISA CLÍNICA

Camila Maldonado, Ana Paula Lopes, Marly Monteiro de Carvalho

Resumo


Nos tempos atuais, as empresas buscam respostas rápidas e eficazes que visam aproveitar oportunidades com melhor controle e uso dos recursos existentes. Tradicionalmente, metas de prazo são utilizadas como critérios para medição de sucesso de projetos. O investimento na adoção de técnicas e ferramentas de gerenciamento pode contribuir de maneira significativa para o sucesso do projeto. A aparição das histórias de sucesso associada à adoção de ferramentas de melhoria contínua está convergindo para encorajar os líderes a considerar o lean em suas instituições e empresas. A metodologia lean é reconhecida pela maximização do valor por meio da contínua eliminação de desperdícios e foi originalmente concebida como uma prática de manufatura, porém a mentalidade tem sido gradualmente disseminada em todas as áreas empresariais e também para empresas dos mais diferentes tipos e setores, tornando-se efetivamente uma filosofia e uma cultura empresarial. Nas últimas décadas, muitos estudos foram publicados na tentativa de entender a relação da filosofia lean como estratégia de sobrevivência que garanta ganhos na produtividade e vantagens competitivas, porém ainda é um fenômeno experimentado por um seleto grupo de Organizações Representativas de Pesquisa Clínica (ORPC). Na tentativa de contribuir com esses estudos, esta monografia busca analisar as relações entre o uso da metodologia lean e o desempenho de prazo de projetos em ORPCs através de uma abordagem qualitativa de estudo de caso. A conclusão da pesquisa indica que a inclusão dos princípios lean como parte da missão, cultura e valores da companhia bem como o uso de ferramentas de melhoria contínua podem contribuir com a entrega antecipada das atividades dos projetos e facilitar a obtenção dos objetivos estratégicos da empresa.

Palavras-chave


Gerenciamento de Projetos, Gerenciamento de Prazos, Desempenho de Projetos, Metodologia Lean, Organização Representativas de Pesquisa Clínica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1983-8026.75071