“Sinto que o mundano está incorporado”: uma conversa com Maria Helena Bernardes

Eduardo Ferreira Veras, Maria Helena Bernardes

Resumo


Em entrevista a Eduardo Veras, a artista Maria Helena Bernardes revisa diferentes tópicos de sua trajetória a partir da ruptura representada por Vaga em campo de rejeito, trabalho que se inicia em 2001 e que assinala seu crescente interesse por uma dimensão menos expressiva e mais comunicacional da atuação como artista. A entrevistada enfatiza especialmente a descoberta – a partir de situações de caráter colaborativo – de novos modos de compreensão sobre o cotidiano e a experiência de estar no mundo. Na conversação, Maria Helena comenta também o exercício da escrita e o prazer na construção de narrativas.

Palavras-chave


Entrevista; Maria Helena Bernardes; Situações colaborativas; Cotidiano; Narrativa.

Texto completo:

PDF-PT

Referências


Entrevista de Eduardo Ferreira Veras com Maria Helena Bernardes em 2017.




DOI: https://doi.org/10.22456/2179-8001.80098

Direitos autorais 2017 Eduardo Ferreira Veras, Maria Helena Bernardes

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

PORTO ARTE: e-ISSN 2179-8001


INDEXADORES

PROPESQ

"

LATINDEX

Resultado de imagem para redib logo