Aplicação de técnicas de sensoriamento remoto na investigação do controle do posicionamento do Complexo Carbonatítico Seis Lagos e no estudo do depósito (Nb) laterítico associado (Amazonas, Brasil)

Marco B. ROSSONI, Artur C. BASTOS NETO, Dejanira L. SALDANHA, Valmir S. SOUZA, Arthur L. GIOVANNINI, Claudio G. PORTO

Resumo


Este estudo teve como objetivos principais identificar as estruturas geológicas que controlaram o posicionamento do Complexo Carbonatítico Seis Lagos, localizado no noroeste do Estado do Amazonas, e contribuir para o conhecimento da geologia do depósito associado, através da delimitação da crosta laterítica e identificação de estruturas internas e de zonas de alteração hidrotermal onde maiores concentrações de Nb e ETR podem ocorrer. Foram utilizados os métodos geofísicos aeromagnetometria, aerogamaespectometria e mapas de anomalia Bouger, análise de modelo digital de elevação e técnicas de processamento de dados orbitais. A principal estrutura regional tem direção geral E-W, extensão de cerca de 400 km. O posicionamento do CCSL ocorreu onde ela é intersectada por estruturas de direção NE-SW e NW-SE. Os limites da crosta laterítica são em grande parte retilíneos, sugerindo estruturas rúpteis, sejam estas as paredes do conduto magmático, aberto seguindo falhas e fraturas, ou falhas que afetaram o corpo após sua cristaliza- ção. As principais estruturas afetando o depósito têm direção E-W ou NNW-SSE, controlaram a formação de vales e cristas, a atuação de processos cársticos com formação de bacias; exerceram, portanto, papel relevante durante o processo de lateritização. Zonas ricas em argilas indicativas de alteração hidrotermal foram identificadas em quatro estruturas.

Palavras-chave


nióbio, elementos terras raras, laterita.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1807-9806.78196

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.


Instituto de Geociências, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Prédio 43113
91.540-000, Porto Alegre, RS, Brasil
E-mail: pesqgeoc@ufrgs.br