Misturas Populacionais e Efetividades de Energia Ambiental

L.R. MARTINS, H. JOST, J.A. VILLWOCK, I.R. MARTINS

Resumo


São apresentadas as relações existentes entre as propriedades de tamanho de sedimentos praiais oceânicos e os diferentes níveis de energia presentes em várias praias do litoral de Santa Catarina. Areias ativadas por índices elevados de energia, são unimodais, bem selecionadas, apresentando pequeno número de classes texturais. Níveis pouco expressivos de energia revelam areias mal selecionadas, por vezes bimodais e apresentando elevado número de classes texturais. Variações entre sedimentos uni ou bipolucionais são igualmente comentadas.


Palavras-chave


misturas populacionais; efetividade; energia ambiental

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.22456/1807-9806.21872

Apontamentos

  • Não há apontamentos.







Instituto de Geociências, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Prédio 43113
91.540-000, Porto Alegre, RS, Brasil
E-mail: pesqgeoc@ufrgs.br