Quem restitui não só a vida, mas tudo o que lhes foi tirado?

Beatriz Helena Souza da Cruz

Resumo


A partir do relato É isto um homem? (1947), de Primo Levi, buscou-se lidar com a pergunta/título em diálogo com obras literárias de diferentes momentos, de que são exemplos a Odisséia, de Homero; Ensaio sobre a cegueira, de José Saramago e “Carta a meus filhos sobre os fuzilamentos de Goya”, de Jorge de Sena, por conterem, respectivamente, ensinamentos sobre o comportamento humano, uma experiência de confinamento e uma reflexão sobre o legado aos filhos, que passa por uma espécie de levantamento de desumanidades cometidas ao longo da nossa história; entendendo o relato de Levi como uma busca por restituir humanidade aos que perderam a vida.

Palavras-chave


Humanidade; Literatura; Primo Levi; Jorge de Sena; Memória

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.76141

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul