As raízes de Paulo Honório: uma leitura de São Bernardo a partir de Raízes do Brasil

Alexandre Lobo

Resumo


Este trabalho analisa a obra de Graciliano Ramos, São Bernardo, a partir do conceito de Homem Cordial presente na obra de Sérgio Buarque de Holanda, em Raízes do Brasil. Inseridas no contexto pós Revolução de 30, ambas as obras contribuem para o debate sobre a identidade nacional na medida em que retratam a passagem de um Brasil arcaico, rural a um Brasil capitalista, embora com um tipo de capitalismo próprio, herdeiro de uma sociedade escravocrata.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.5991

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul