História oral e fragmentos da cultura popular cabocla

Délcio Marquetti, Juraci Brandalize Lopes da Silva

Resumo


O presente artigo expõe experiências com História Oral e reconstituição da cultura popular em torno da crença no monge João Maria D’Agostini, presente em populações caboclas do município de Xanxerê, SC, construídas enquanto parte do projeto “História e Memória de Xanxerê”, do Programa de Alfabetização Regional, desenvolvido pela Universidade do Oeste de Santa Catarina – Unoesc, Campus de Xanxerê, desde o ano de 2007. Populações caboclas da região possuem rico acervo de cultura popular que se encontra registrado em suas memórias, e que vêm sofrendo profundas alterações com o avanço das forças produtivas.

Palavras-chave: Monge João Maria D’Agostini; cultura popular; memória; religiosidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.5842

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul