A metamorfose nos contos fantásticos de Murilo Rubião

Luciane Alves Santos

Resumo


No Brasil, o universo ficcional de Murilo Rubião revela a importância de sua obra no âmbito da narrativa fantástica. Seus contos apontam, por meio do absurdo ficcional, a fatalidade da vida moderna, povoada de medo, angústia e solidão. A irrupção do fantástico apresenta-se nos contos do escritor mineiro, sobretudo, pelo processo de metamorfoses, que se desenvolve tanto pelos temas quanto pelo fazer poético. Dessa forma, a natureza fantástica de sua obra é também fruto de uma linguagem repleta de alegorias: linguagem que expõe as insatisfações humanas e assume caráter revelador e crítico.

Palavras-chave: conto fantástico; metamorfose; Murilo Rubião.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.4873

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul