Chico Buarque de Holanda: crítica histórica através da Arte

Vivian Albertoni, Guilherme Pereira

Resumo


O presente trabalho visa discutir alguns aspectos encontrados nas letras de canções de um dos mais representativos artistas brasileiros de todos os tempos, o compositor Chico Buarque. Busca-se ressaltar não apenas a sempre enfatizada faceta ‘ideológica’ ou ‘engajada’ de sua produção, mas também demonstrar o quanto a realização verbal de suas obras carrega um senso estético e poético. Pode-se afirmar que as letras de canção de Chico, assim como os próprios arranjos, potencializam a percepção de seu tempo, constituindo obras de Arte, tanto no que se refere ao conteúdo estético quanto à relação com o cenário histórico-econômico-social.

Palavras-chave: Chico Buarque; MPB; Canção; História do Brasil – período militar; Estética

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.4841

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul