Interações poéticas entre Sophia de Mello Breyner Andresen e Lya Luft

Marlene Rodrigues Brandolt

Resumo


Este trabalho desenvolve algumas reflexões sobre interações poéticas atribuídas às aproximações entre Navegações, de Sophia de Mello Breyner Andresen, e O rio do meio, de Lya Luft. A abordagem teórica se vale da hermenêutica de Paul Ricoeur, para pensar as obras referidas pelo viés da Literatura Comparada a partir dos conhecimentos desenvolvidos por George Steiner. A novidade fica por conta do diálogo entre narrativas do século XX que se oferecem por meio de uma travessia da condição humana, associada a uma abordagem literária intensificada pela percepção social e histórica das artistas em análise.

Palavras-chave


Aproximações; Poéticas; Hermenêutica; Literatura Comparada

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.46877

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul