A POÉTICA DA PERFORMANCE E OS TERNOS DE REIS DE FLORIANÓPOLIS/SC

Lívia Petry Jahn, Comissão Editorial Nau Literária

Resumo


Este ensaio busca analisar as performances dos ternos de reis, uma expressão da cultura popular brasileira e neste caso mais específico, catarinense, sob a ótica da antropologia e do ritual elencadas nas teorias de Richard Schechner (2012) e de Turner apud Schechner (2012), bem como fazer uma ponte entre a poética (SUHAMY, 1988) e a arte performática das cantorias de natal, ano novo e dia de reis, cantadas pelos grupos de ternos de reis em Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Palavras-chave


performance; ritual; poética; cultura popular; cantorias.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1981-4526.43377

Revista Nau Literária | ISSN 1981-4526 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul