FORMAR O TREINADOR E O JOGADOR NAS CATEGORIAS DE BASE DO FUTEBOL: ENGENDRANDO NA INTERAÇÃO E/OU NA ESPECIFICIDADE?

Otávio Baggiotto Bettega, João Claudio Braga Pereira Machado, Alcides José Scaglia, Cesar Vieira Marques Filho, Larissa Rafaela Galatti

Resumo


O objetivo do estudo é apresentar possibilidades de formação para o treinador e o jogador de futebol no clube a partir das particularidades de cada processo e na interação entre ambos. Indicamos ao treinador a proposta baseada na Aprendizagem ao Longo da Vida, de Peter Jarvis, que preconiza que todas as experiências vividas promovem aprendizagens moldadas pela interação do indivíduo com o mundo. Quanto ao jogador, partimos da Pedagogia Não Linear (PNL) para sustentar um processo que seja centrado no jogador e pautado no jogo, buscando oferecer um ambiente de aprendizagem representativo para o desenvolvimento do jogador. Para ambos, destacamos a necessidade de um conhecimento sistematizado no clube para estabelecer estratégias formativas e significativas para os sujeitos.

 


Palavras-chave


Futebol. Educação Física e Treinamento. Aprendizagem.

Texto completo:

PDF-POR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.88087



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment