A ORIGEM ESPORTIVA DA DEMOCRACIA: UMA ABORDAGEM FILOSÓFICA

Francisco Javier Lopez Frías, Emanuele Isidori

Resumo


Este artigo afirma, do ponto de vista hermenêutico, que o esporte pode ser uma importante ferramenta educacional para as nossas sociedades democrático-liberais. Para demostrar essa afirmação, em primeiro lugar analisamos a questão controversa sobre se o esporte é uma atividade séria relacionada à sociedade e aos seus valores. Em segundo lugar, afirmamos que o esporte foi sempre uma atividade ligada à sociedade desde os tempos antigos. Em terceiro lugar, mostramos que tanto a origem da política quanto a da filosofia estiveram vinculadas a certas forças e atitudes relacionadas ao esporte. Em quarto, expomos como essas forças ainda são centrais para o esporte contemporâneo. Em conclusão, apoiamos a tese de que podemos usar o esporte para melhorar a qualidade de nossas sociedades democrático-liberais.

 

 


Palavras-chave


Filosofia do esporte. Pedagogia. Educação. Democracia.



DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.78461

Direitos autorais 2018 Movimento (ESEFID/UFRGS)



 

Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment