A FORMAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA ATIVIDADE FÍSICA E ESPORTE NA ESPANHA

Antonio Campos-Izquierdo

Resumo


Este estudo analisa a formação inicial e permanente das pessoas que trabalham em atividade física e esporte na Espanha. Foi empregada como metodologia uma entrevista aplicada a 2.500 profissionais da atividade física e esporte em todas as províncias da Espanha. Os resultados mostram que 38% dessas pessoas não possuem titulação de atividade física e esporte (formação inicial). Também, muitas pessoas com titulação desempenham funções laborais para as quais não foram formadas e nem são qualificadas. Além disso, se observa que essas pessoas têm uma alta formação permanente quanto maior a sua formação inicial. Do mesmo modo, a maioria dos titulados da atividade física e esporte considera que a sua formação inicial serviu muito para seu adequado desempenho profissional.

 


Palavras-chave


Competência profissional. Credenciamento. Esportes. Educação Física.



DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.64711



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment