CAMPOS DE ATUAÇÃO EM GINÁSTICA: ESTADO DA ARTE NOS PERIÓDICOS BRASILEIROS

Michele Viviene Carbinatto, Wagner Wey Moreira, Aline Dessupoio Chaves, Suziane Peixoto Santos, Regina Rovigati Simões

Resumo


O objetivo foi identificar, sistematizar e analisar a produção acadêmica sobre ginástica nos periódicos nacionais da área da Educação Física do Web Qualis-Capes dos anos 2000 a junho de 2015. Por meio de indicadores bibliométricos de estudos do tipo estado da arte, identificamos 340 artigos publicados em 61 revistas. Constatamos que a produção na área foi constante nos triênios Capes e que as ginásticas de condicionamento físico tiveram prevalência em 47% dos estudos, com destaque para a ginástica laboral e publicação em revistas B4, B2 e B1 respectivamente, seguida pelas ginásticas de competição (28%), cuja frequência por estudos na ginástica artística foi de 55,2% e prevalência de divulgação em revistas B1, B2 e B4. Por fim, aspectos da saúde, da fisiologia e da pedagogia do esporte foram as temáticas mais utilizadas para discutir os campos de atuação em ginástica


Palavras-chave


Bibliometria. Análise quantitativa. Indicadores de ciência, tecnologia e inovação. Ginástica.

Texto completo:

PDF-POR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.61648



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment